Autor Tópico: O Conhecimento Sagrado (Cont. III)  (Lida 2418 vezes)

Offline Susana

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 81
  • Karma: +1/-0
O Conhecimento Sagrado (Cont. III)
« em: Abril 29, 2008, 19:24:24 pm »
Continuando o nosso trabalho de apresentar as ideias transmitidas por seres luminosos a Ljubisa

Origens e aparência do corpo luminoso

Os corpos luminosos iniciam a sua vida como uma centelha, que representa o embrião onde todas as suas capacidades estão incorporadas. Contudo, este programa incorporado não é activado automaticamente, é meramente uma capacidade que tem de ser actualizada.
Pessoas com visão paranormal podem ver corpos luminosos como uma estrutura plasmica esférica de cor de ouro velho, em que alguns pontos fica vermelho escuro. Existe um aureola à volta quando nos sentimos em paz e quietos. Como plasma, move-se constantemente, criando ondelações na superfície. Estes movimentos não são superficiais mas existem também dentro da esfera. Um corpo luminoso está situado no espaço à nossa volta, fora do corpo e da aura. Move-se no espaço e tem vontade própria, mostrando-se instantaneonamete onde quer, sem se mexer. Contudo, há limites para isto. Só pode ir a 300m do corpo humano. O corpo luminoso tem uma grande carga energética, composta de diferentes tipos de energias inteligentes, muitas preciosas, especialmente, a energia amarela. Pode emitir estas energias em certas circunstancias ou pode tomar novas.

Cada pessoa tem o seu próprio corpo luminoso. Para ser preciso, cada corpo luminoso tem a sua pessoa. Toma uma grande parte desde a concepção até há morte. Participa na criação da aura e do corpo físico.

O funcionamento do corpo luminoso

O trabalho do corpo luminoso tem um nº de diferentes direcções, mostrando o caminho ao longo da vida, e acima de todo, fortalecendo a nossa criativadade. Mostra-nos o melhor caminho a seguir, a escolha final é nossa. Manda-nos mensagens, mas sem voz. Chegam á mente por caminhos paranormais, e por que é assim, a nossa mente apenas parcialmente decifra. Que parte das grandes quantidades de mensagem enviadas podem ser traduzidas de paranormal para o nível normal, depende  em grande medida da sensibilidade da pessoa, tal como do seu estado mental e físico. O corpo luminoso é o nosso criador espiritual e guia ao longo da nossa vida. Mas, a nossa morte, não é a sua morte. Ele continua a viver a sua vida eterna. Contudo, depois da pessoa que guiou morre, tem de encontrar embrião em 49 dias. Se não for bem sucedido, tem 60 dias.

Existe uma coneção com o corpo luminoso mesmo depois de morrer? E há uma coneção entre as centenas de pessoas que habitamos durante o desenvolvimento?

Depois de morrer, a nossa alma, ou a nossa consciência, tem uma estrutura de energia separada, que consiste numa branca bioenergia, que durante a nossa vida foi uma parte integral da nossa aura, permanece viva por muito tempo, a não ser que esteja estragada. Mas, a nossa vida completa está integrada na memoria do corpo luminoso – tudo o que nos aconteceu., todos os pensamentos, desejos, e experiências, e todo o conhecimento que ganhamos. Quando o corpo luminoso (exalação /breaths) sopra a consciência no novo embrião, recria-nos, só que num corpo novo, para a nossa cabeça morrer é devido há nossa curta vida. Mas este recém-nascido não esta a par, nem quando crescer, que é a continuação de outra vida. Pode ser de qualquer raça, nacionalidade, religião …

Os nossos parentes tem a tarefa de criar o nosso corpo nesta vida e assegurar o nosso desen físico e mental sem perturbação ao dar-nos amor e a sacrificarem-se por nos. É uma maneira de por uma parte deles em nós, e é a nossa dádiva aos outros.

 A selecção do novo embrião humano

Há duas catacteristicas básicas que o corpo luminoso escolha o embrião . o 1º é genético, este critério considera as características intelectuais e emocionais dos pais que a criança vai herdar. O 2º o tipo é grau de desenvolvimento da cultura do meio, se a cultura é elevada é mais adaptativa/ de suportar/ amparar/ alimentar, então a criatividade vai-se desenvolver. A civilização à nossa volta , e os modelos educacionais são ainda mais importantes do que as base geneticas. O corpo luminoso não vai escolher uma criança inteligente num local longinquo (forsaken). Vai preferir um menos inteligente num meio mais civilizado, onde há mais informação, e cujos pais sejam "suportados" e estejam preparados para trabalhar com a criança, por que vai assegurar maior criatividade á nova personalidade.

comentário meu: (a criatividade aqui será de mais oportunidades de esclarecimento, de vida, de aprendizagem e consumo/pagamento de carma)

Se esta pessoa for criativa, o corpo luminoso vai melhorar em grande proporção, do que em vidas anteriores. Se contudo, esta pessoa é não criativa, o corpo luminoso vai estagnar o desenvolver, espera por um novo embrião.

Comentário meu: ??? então não escolheu um embrião pouco criativo, ou o meio após o nascimento sofreu alterações, ou sofreu uma castração muito forte após o nascimento e não desenvolveu a criatividade... Vou ler novamente para tentar esclarecer esta questão, que parece contraditória

A maturação do corpo luminoso

O que acontece quando o corpo luminoso amadurece?

depois de se ter desenvolvido entre através de centenas de gerações de pessoas, o corpo luminoso está próximo da sua maturação, até a sua completa ripeness/maturação. Isto pode acontecer numa vida de uma pessoa muito criativa. Cada pessoa vai atingir um estado de iluminação devido à sua excepcional criatividade, e isto vai levar ao massivo aumento do potencial criativo cuja activação vai levar o corpo luminoso à máxima maturação.

Muitas vezes a iluminação não usa esta oportunidade e não leva o corpo luminoso á maturação. Neste caso, depois da morte, as suas almas vão para o universo, e o corpo luminoso escolhe um novo embrião. Contudo, se a iluminação consegue levar o corpo luminoso á maturidade usando a actividade criativa, uma coisa expecional ocorre. Outro corpo luminoso é criado fora do core amarelo da pessoa iluminada. Isto representa o prémio desta pessoa pelo seu imenso immense striving/ luta e criatividade durante a sua vida. Então, o processo de maturação é dois, nunca um, 2 corpos luminosos são simultaneamente criados. Eles não são iguais. Diferem em tamanho e noutras características. O 1º é devido ao trabalho criativo de centenas de gereções de pessoas, enquanto que outro chega á sua completa maturidade só numa vida.

Uma vez atingida a maturidade, os corpos luminosos juntam-se e vivem em certos lugares na terra. Há muitos destes lugares, e eles são muitos sítios de antigos templos. São locais onde antigas civilizações iniciaram as suas civilizações. Aqui também podemos encontrar corpos luminosos que não maturaram, mas eles estão apenas no período entre a morte da forma e o tempo de escolher a nova pessoa a ser formada.

 :D Continua, no final vou tentar fazer um resumo por tópicos de toda a informação transmitida

Um abraço Susana